Notícias



Ronaldo pede explicações à empresa sobre cadastro de moradores no Primavera

Visualize fotos

 

Vereador foi procurado por munícipes que moram próximo à linha férrea e estariam preocupados com suposta desapropriação para construção de desvio ferroviário

 

O vereador Ronaldo Mendes (PSDB) apresentou requerimento solicitando informações sobre um suposto cadastro que estaria sendo feito pela empresa Rumo S.A. Logística com os moradores das ruas Luiz Vaz de Camões e Juvenal Vasconcelos, no bairro Jardim Primavera. O parlamentar informou que foi procurado por diversos moradores preocupados com a desapropriação que estaria sendo planejada pela empresa para a construção de um desvio ferroviário na linha do trem que passa próximo às casas de 27 famílias.

O fato causou “espanto e indignação ao vereador”, que questiona a forma de abordagem dos representantes da empresa aos moradores, os quais teriam sido tratados de forma grosseira e sem qualquer explicação. Ronaldo afirma ainda que sequer teria havido reunião prévia para tratar do assunto.

“Abordaram os moradores, indagando-os e deixando um questionário, onde algumas pessoas acabaram assinando e em sua maioria idosos que posteriormente passaram mal devido ao ocorrido”, relata o parlamentar no requerimento que foi aprovado por 12 votos durante a sessão da última terça-feira (9).

Ronaldo Mendes afirma que muitos moradores sentiram que seus direitos foram violados com a ação. “É inaceitável tal postura adotada pela empresa Rumo S.A. É inadmissível que situações como esta ocorram dentro do nosso município. Não se pode permitir que uma empresa privada instituída em nosso município resolva fazer uma obra e simplesmente comece a abordar os moradores, coagindo-os para que respondam ou concordem com suas diretrizes”, denuncia.  

“A referida empresa deveria ter procurado as secretarias competentes de nosso município para discutir a ideia deste novo projeto e sua viabilidade para depois ir a campo questionar moradores”, aponta.

Ronaldo lembrou que já enviou requerimento à empresa em 2018, mas a Rumo S.A não respondeu aos questionamentos. No novo documento aprovado nesta semana, o parlamentar questiona se a empresa acionou a secretaria competente e se poderia encaminhar a relação de todos os moradores cadastrados na referida ação, bem como o projeto de toda a área que seria afetada pelas obras.



Versão para Impressão

Fique por dentro

Outras Notícias

Paciente com plano de saúde atendido pelo Samu poderá pedir encaminhamento a hospital particular

17 de maio de 2019

Projeto de Lei apresentado pelo vereador Dr. Sérgio Rosa mantém prerrogativa do médico regulador em dar a palavra final sobre o destino do atendido   Um Projeto de Lei apresentado pelo vereador D...

Leia Mais

Projeto promove conscientização sobre Atrofia Muscular Espinhal

17 de maio de 2019

  Proposta apresentada pelo vereador Ney do Gás quer promover debates, palestras, seminários e ações informativas sobre a doença   O Projeto de Lei nº 134/2019, protocolado na última terça-feira...

Leia Mais

Tavares e Ulisses parabenizam Assentamento Sumaré II pelos 34 anos de luta

16 de maio de 2019

Moção de congratulação aprovada em plenário ressalta produção de frutas e verduras nos assentamentos rurais   O aniversário de 34 anos de luta, resistência e solidariedade do Assentamento Sumaré...

Leia Mais

Acompanhado do prefeito, Willian leva demandas de Sumaré a Dirceu Dalben na Alesp

16 de maio de 2019

  Presidente da Câmara de Sumaré protocolou ofícios no gabinete do parlamentar em São Paulo   O presidente da Câmara Municipal de Sumaré, vereador Willian Souza (PT), esteve no gabinete do deput...

Leia Mais

Professor Edinho quer coletores de lixo reciclável nas escolas de Sumaré

16 de maio de 2019

  Além de promover a educação ambiental, proposta que cria o programa Educa Lixo pretende que os recursos da venda dos materiais sejam revertidos para benfeitorias nas próprias escolas   As esco...

Leia Mais

Vereadores aprovam PL que facilita uso de câmeras de vigilância no combate à violência

15 de maio de 2019

  Apresentada pelo vereador Willian Souza, proposta que institui Sistema Colaborativo de Segurança e Monitoramento em Sumaré recebeu 20 votos favoráveis   O Projeto de Lei que institui o Sistema...

Leia Mais

 

Copyright 2019 Todos os Direitos Reservados | Desenvolvido por: Sino Informática.