Notícias



Presidente da Câmara pede liminar na Justiça para retorno da água em Sumaré

Visualize fotos

 

Willian Souza protocolou oficio no Ministério Público após quase 80% da população de Sumaré ser afetada pela interrupção do fornecimento de água que já completa 4 dias

O presidente da Câmara Municipal de Sumaré, vereador Willian Souza (PT), protocolou no final da manhã desta sexta-feira (30) ofício no Ministério Público solicitando que a promotoria entre com pedido de liminar na Justiça para garantir que o abastecimento de água em Sumaré seja restabelecido imediatamente pela concessionária Odebrecht/BRK. O desabastecimento atinge 200 mil pessoas deste a última terça-feira (30) após a execução de uma obra de ampliação da captação do Rio Atibaia.

A previsão dada pela empresa era de que o fornecimento seria normalizado na noite de quarta-feira, mas o prazo foi prorrogado por um dia, novamente descumprido. Agora, a previsão de retorno é para às 23 horas desta sexta-feira.

Os ofícios foram destinados às promotorias da Infância e Juventude, Meio Ambiente, do Consumidor e Direitos Humanos, com abrangência na Defesa do Idoso, da Pessoa com Deficiência e Saúde Pública. Em ambos, o vereador pede que o MP proponha ação judicial solicitando ao Poder Judiciário tutela de urgência para determinar o imediato restabelecimento do fornecimento de água nas regiões atingidas, inclusive por meio de caminhões-pipa, sob pena de multa diária para o caso de descumprimento da ordem.

O abastecimento por meio de caminhões-pipa, inclusive, foi proposto pelo vereador mais cedo, em ofício protocolado na sede administrativa da Odebrecht/BRK Ambiental. No documento, o parlamentar sugere que a empresa contrate caminhões de outras cidades da região e abasteça os reservatórios particulares, a fim de garantir água para as necessidades básicas da população.

“Desde terça-feira, por conta da interrupção, somos procurados por inúmeros moradores das regiões do Matão, Maria Antônia, Picerno, Nova Veneza e Área Cura. Fui pessoalmente verificar problemas em escolas e unidades de saúde, além de acompanhar as dificuldades no cuidado com pessoas acamadas, crianças e adolescentes, diante da falta de água nas torneiras. A empresa criou um caos na cidade, passando por cima da dignidade de mais de 200 mil pessoas”, afirmou o vereador.

Diante dos problemas enfrentados pela população, a última alternativa, afirma o parlamentar, foi entrar na Justiça e solicitar a liminar para que a água volte imediatamente às torneiras.  “A empresa é responsável pelo abastecimento, não importa o que aconteça. Eles têm que encontrar alternativas. Além disso, nós vamos cobrar, quando a água voltar, que esses quatro dias sejam descontados da tarifa das pessoas. Não se pode pagar por algo que não se consumiu”, desabafa o vereador.

PROJETO

Já antecipando episódios semelhantes no futuro, Willian protocolou ontem na Câmara de Sumaré o Projeto de Lei que obriga a concessionária Odebrecht/Ambiental a fornecer, emergencialmente, por meio de caminhões-pipa, água para escolas, unidades de saúde e residências de pessoas acamadas.

De acordo com a proposta, a água será destinada em quantidade correspondente com a necessidade e pelo período em que persistir a interrupção do abastecimento regular. A concessionária terá prazo de até 6 horas para atender à solicitação dos usuários afetados, contadas a partir da geração do protocolo de atendimento, e estará sujeira a multa de R$ 1 mil para cada descumprimento.



Versão para Impressão

Publicado em: 02 de agosto de 2019

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Categoria: Notícias da Câmara

Fique por dentro

Outras Notícias

Ouvidoria da Câmara de Sumaré realiza 261 atendimentos em 2019

20 de janeiro de 2020

  Departamento é responsável por receber as sugestões, críticas, reclamações, solicitações de informação quanto aos serviços e atendimentos prestados pelo Legislativo Municipal   A Ouvidoria Pop...

Leia Mais

Professor Edinho propõe PL que regulamenta limpeza de terrenos baldios em Sumaré

17 de janeiro de 2020

  Projeto de Lei permite que o Município realize a limpeza de terrenos particulares, caso o proprietário não tome providências, devendo o Poder Público ser ressarcido pelo serviço   Janeiro é um...

Leia Mais

Audiência pública para debater direitos de crianças e adolescentes acontece na Câmara de Sumaré

15 de janeiro de 2020

Presidente Willian Souza quer discutir com a população alterações na política de atendimento aos direitos da criança e do adolescente no município A Câmara Municipal de Sumaré vai sediar, na próxi...

Leia Mais

Corte no abastecimento de água não poderá ser feito sem a presença de moradores nas residências de Sumaré

13 de janeiro de 2020

Projeto de Lei do vereador Marcio Brianes exige assinatura de termo de notificação para suspensão do serviço em caso de inadimplência O corte do fornecimento de água por inadimplência do consumido...

Leia Mais

Câmara de Sumaré encerra 2019 com mais de 7 mil proposituras

10 de janeiro de 2020

Levantamento realizado pela Secretaria da Casa de Leis indica crescimento de quase 50% no número de documentos protocolados com relação a 2018   A Câmara Municipal de Sumaré fechou o ano de 2019...

Leia Mais

Presidente da Câmara participa de cerimônia de posse dos novos conselheiros tutelares de Sumaré

09 de janeiro de 2020

Evento que marcou o início das atividades dos cinco novos conselheiros aconteceu no plenário do Legislativo Municipal, na tarde desta quinta-feira   O presidente da Câmara Municipal de Sumaré, ve...

Leia Mais

 

Copyright 2020 Todos os Direitos Reservados | Desenvolvido por: Sino Informática.