Notícias



PL aumenta rigor a concessionária de água que provocar dano em vias públicas

Visualize fotos

 

Proposta do vereador Willian Souza determina colocação imediata de tapumes no local da obra até a reparação definitiva do dano pela empresa

 

Uma mudança proposta pelo presidente da Câmara Municipal de Sumaré, vereador Willian Souza (PT), pretende tornar mais rígida a Lei Municipal n° 5.913, de 20 de janeiro de 2017, que obriga a concessionária de água e esgoto a reparar os danos causados em vias públicas em caso de obras e serviços realizados pela empresa. O PL nº 42/2020 foi protocolado na secretaria da Câmara Municipal nesta terça-feira (10) e passará pelas comissões parlamentares antes de ser apresentada em plenário.

Uma das principais alterações do projeto é garantir a colocação, de imediato, de tapumes no local da obra até a definitiva reparação do dano. Pela legislação vigente, a empresa é obrigada a colocar o tapume apenas depois de finalizado o prazo de 72 horas que a concessionária tem para resolver o problema.

“Nesta lei, ficou estabelecido o prazo de 72 horas para que seja realizada a reparação do dano, com as respectivas sinalizações respeitando a legislação. Ocorre que, somente após este período de 72 horas, havendo impedimento ou motivo de força maior, ficam as responsáveis obrigadas à colocação de tapumes ou outros meios que os substituíam no local até a reparação definitiva do dano”, explica Willian Souza.

“Assim o presente projeto determina a obrigatoriedade imediata, logo após os danos causados, das responsáveis colocarem os tapumes ou outros meios que os substituíam dentro dos parâmetros de segurança exigidos e necessários para evitar maiores transtornos à população sumareense. Nossa proposta de mudança é simples, mas temos certeza que fará muita diferença para a população”, conclui o parlamentar.

Caso a empresa não cumpra a norma, ficará sujeita a multa diária de R$ 5 mil pelo Poder Público Municipal, limitada ao máximo de R$ 300 mil. A lei atual já prevê que a multa incidirá após a simples constatação por servidor público ou mediante denúncia, devendo constar a identificação do logradouro público, garantindo-se, sempre que possível, o anonimato do denunciante.

O PL protocolado pelo vereador Willian Souza mantém o prazo de 72 horas para reparação dos danos por parte da empresa, mas estabelece que, havendo impedimento, por motivo de força maior, da reparação no prazo estabelecido, a concessionária e prestadoras de serviço de saneamento de água e esgoto deverão justificar o motivo ao órgão fiscalizador.

 



Versão para Impressão

Publicado em: 10 de março de 2020

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Categoria: Notícias da Câmara

Fique por dentro

Outras Notícias

Câmara de Sumaré suspende atendimento ao público para prevenir Covid-19

01 de abril de 2020

  Medida é adotada como forma de ajudar nos esforços de prevenção à circulação do Coronavírus; sessão ordinária deste terça-feira será mantida, mas poderá ser acompanhada apenas pela internet...

Leia Mais

Willian quer mais tempo para votar a reforma da previdência municipal

01 de abril de 2020

Presidente da Câmara de Sumaré enviou ofício solicitando extensão do prazo ao secretário especial de Previdência e Trabalho do Governo Federal   O presidente da Câmara Municipal de Sumaré, veread...

Leia Mais

Willian solicita que concessionária garanta abastecimento de água durante pandemia de Covid-19

20 de março de 2020

Presidente da Câmara de Sumaré sugeriu adoção do sistema by-pass, utilizado na cidade vizinha de Nova Odessa, para canalização da água e manutenção do fornecimento   O presidente da Câmara Munici...

Leia Mais

Câmara cria Frente Parlamentar para acompanhar prevenção de Covid-19 em Sumaré

19 de março de 2020

Vereadores decidiram também cancelar a oitiva com representante da Ouro Verde que estava marcada para quinta-feira   Durante a sessão ordinária desta terça-feira (17), os vereadores de Sumaré apr...

Leia Mais

Câmara de Sumaré adota novos procedimentos para prevenção do Covid-19

17 de março de 2020

Medidas para conter propagação do novo vírus incluem teste de condições de saúde para funcionários e vereadores, utilização individual de microfones em sessões plenárias e realização de atividades...

Leia Mais

Fechada para o público, Câmara de Sumaré disponibiliza Whatsapp para reforçar comunicação

17 de março de 2020

Telefone (19) 97125-6880 funcionará de segunda a sexta, das 8h às 17h, para tirar dúvidas e atender a demandas sobre serviços oferecidos pelo Legislativo Municipal   A Câmara Municipal de Sumaré...

Leia Mais

 

Copyright 2020 Todos os Direitos Reservados | Desenvolvido por: Sino Informática.