Notícias



Vereadores votam cobrança de multa por maus-tratos a animais em Sumaré

Visualize fotos

 

O PL proposto pelo vereador Valdir de Oliveira será discutido e votado na sessão ordinária da próxima terça-feira juntamente com outros quatro Projetos de Lei

 

Os vereadores de Sumaré votam na sessão ordinária de terça-feira (10) o Projeto de Lei de autoria do vereador Valdir de Oliveira (DEM) que estabelece sanções e penalidades administrativas para aqueles que praticarem maus-tratos a animais. O PL nº 79/2019 tem como objetivo encaminhar os processos abertos ao Ministério Público para providências criminais cabíveis, com o intuito de minimizar os problemas de abandono e outras formas de crueldade.

A proposta considera como animais domésticos ou domesticados aqueles pertencentes à fauna urbana ou rural, como felinos, caninos, equinos, asininos, muares, pássaros e aves, dentre outros considerados de estimação, companhia ou, ainda, utilizados para auxílio no exercício de trabalhos, desde que estes não sejam considerados migratórios e sejam protegidos por legislação federal ou estadual.

Segundo o PL, os proprietários deverão exercer a posse responsável de seus animais, cabendo ao município a promoção de medidas de conscientização pública acerca da posse, bem como o acolhimento de animais abandonados em vias e logradouros públicos, e sua destinação a instituições de abrigo ou doação a particulares.

“Apesar dos avanços legislativos, os animais continuam discriminados pela indiferença humana. As estatísticas de animais abandonados e os índices de crueldade e maus-tratos revelam a prática de um autêntico biocídio. Dessa forma, o intuito deste Projeto de Lei é incentivar a população a denunciar casos de maus-tratos, fazendo com que todos se conscientizem que animais sofrem, sentem dor e devem ser tratados com respeito”, afirma Valdir de Oliveira.

O projeto define como maus-tratos e crueldade contra animais ações diretas e indiretas capazes de provocar privação das necessidades básicas, sofrimento físico, medo, stress, angústia, patologias ou morte, além de outras práticas que possam ser consideradas e constatadas como maus-tratos pela autoridade ambiental, sanitária, policial ou judicial. As ações indiretas são entendidas como aquelas que provoquem sofrimento através de omissão, omissão de socorro, negligência, imperícia, ou má utilização de instrumentos e equipamentos.

De acordo com a propositura, os casos de violação serão punidos com multa de valor entre R$ 1 mil e R$ 3 mil, o que não exclui sanções de natureza administrativa, cível e penal. O contrário também deverá ocorrer, já que o cumprimento integral de sanções penais não eximirá o infrator do pagamento da multa. Se houver reincidência, o montante será duplicado para pessoas físicas, e multiplicado pelo número de animais submetidos a maus-tratos e crueldade em caso de infração por parte de pessoa jurídica, além de haver a cassação do alvará do estabelecimento.

Conforme estabelece o Projeto de Lei, a Prefeitura ficará encarregada de aplicar as sanções e penalidades, determinando o órgão competente para a fiscalização de seu cumprimento. Já o valor das multas recebidas será destinado ao Fundo Municipal de Meio Ambiente, ou a ONGs de proteção e defesa animal que atuem no município.

ORDEM DO DIA

Outros quatro projetos fazem parte da Ordem do Dia e devem ser discutidos e votados na sessão de terça-feira. Proposto pelo vereador Ronaldo Mendes (PSDB), o PL nº 67/2018 que proíbe a instalação de postes de qualquer natureza em calçadas com largura inferior a dois metros, será o primeiro a ir à votação no Plenário. Na sequência, serão discutidos o PL nº 97/2019, de autoria do vereador Professor Edinho (Rede), que dispõe sobre o programa “Adote um Aluno Carente”; o PL nº 177/2019, do vereador Willian Souza (PT), que institui a Campanha de Conscientização sobre  a leucemia; e o PL nº 240/2019, que cria o Programa Educação gera Oportunidade aos estudantes da rede pública de ensino de Sumaré,  de autoria do vereador Dr. Sérgio Rosa (PDT). 



Versão para Impressão

Publicado em: 09 de setembro de 2019

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Categoria: Notícias da Câmara

Fique por dentro

Outras Notícias

Câmara de Sumaré aprova Lei Orçamentária de 2020

13 de novembro de 2019

  PL de autoria do prefeito, que prevê orçamento de pouco mais de R$ 905 milhões, foi aprovado por unanimidade; segunda votação deve ocorrer no dia 26   Os vereadores de Sumaré aprovaram por una...

Leia Mais

Câmara de Sumaré realiza eventos em celebração ao Dia da Consciência Negra

12 de novembro de 2019

  Sessão solene de entrega do Diploma de Honra ao Mérito Zumbi dos Palmares e a 3ª edição da Festa da Cultura Afro-Brasileira acontecem no dia 20 de novembro   O Dia da Consciência Negra em Suma...

Leia Mais

PL prevê atendimento preferencial para clientes com fibromialgia em Sumaré

12 de novembro de 2019

  Medida proposta pelo vereador Ronaldo Mendes vale para bancos, comércio, serviços e atendimentos no setor público   As agências bancárias, estabelecimentos comerciais, empresas prestadoras de...

Leia Mais

Dr. Sérgio Rosa quer criar o Programa Municipal de Apoio aos Catadores de Materiais Recicláveis

12 de novembro de 2019

  Projeto de Lei apresentado à secretaria da Câmara que levar benefícios à categoria, como ajuda na criação de cooperativas e articulação junto ao empresariado local para doação de carrinhos   O...

Leia Mais

Câmara Municipal vota LOA 2020 nesta terça-feira

11 de novembro de 2019

  Projeto de Lei de autoria do prefeito prevê orçamento de pouco mais de R$ 905 milhões   A Câmara Municipal de Sumaré vota, nesta terça-feira (12), em primeiro turno, a Lei Orçamentária Anual (...

Leia Mais

Sumaré poderá ter internet gratuita em espaços públicos

11 de novembro de 2019

  Projeto do vereador Willian Souza pretende instituir “Programa Wi-fi Livre Sumaré”, com o intuito de promover a inclusão digital e a democratização da informação   O presidente da Câmara Munic...

Leia Mais

 

Copyright 2019 Todos os Direitos Reservados | Desenvolvido por: Sino Informática.